0

Tutorial: Pegando o ônibus em Dublin

Olha quem voltou com mais um tutorial! Tava na hora, né. Muito bem, hoje falarei do querido e amado ônibus.

1° Passo – Aonde você vai?

Antes de mais nada, você precisa saber onde estão os pontos que você vai embarcar e sair. Para isso nós usamos o Google Maps.

2015-04-17 20.17.45

No exemplo usei a minha rota de ônibus de todo dia. Ou seja, eu entro no ponto chamado “Willsbrook Estate” e saio no “Trinity College”. Não precisa se preocupar porque dentro do ônibus tem um sistema de som que informa qual o próximo ponto, mas mesmo assim eu sugiro ficar com o celular na mão.

Aqui o Google diz pra pegar o ônibus 25B.

2° Passo – Quanto vai pagar e como?

Se você está indo com dinheiro, entre no Calculador de Tarifas do Dublin Bus. Se estiver de Leap Card, pule esse e o próximo passo.

cats

Em vermelho, o número do ônibus que você vai pegar. Em roxo, o sentido. Em verde, o ponto que você entra no ônibus. Em azul, o ponto que você desce. Clica ali no botãozinho.

sdgjl

Então você vai pagar 3.30 para ir até o centro. Isso se você não tem o Leap Card e vai de dinheiro.

3° Passo – Entrando no Busão

Dinheiro: a primeira coisa que você faz é se dirigir ao motorista e dizer para onde você vai. “I’m going to Trinity College”. Ele vai te dizer que o preço é 3.30. Você despeja suas moedas no buraco na janelinha e ele te dá um ticket que é a sua passagem. Fique com ela até o final da viagem porque o fiscal te dá uma multa se você não tiver ticket. Importante: você tem que dar o dinheiro exato, porque o motorista não vai te dar troco. Se você não tiver o valor certo, ele te dará um papel que equivale ao troco e você tem que passar em um posto do Dublin Bus pra pegar seu troquinho de volta. (puta trabalho, vai de moedinha mesmo amigo)

Leap Card: Aqui temos duas opções. A primeira é: você encosta seu cartão na maquininha que fica na esquerda e a tarifa padrão será cobrada. A segunda é: você pede pro motorista descontar exatamente o preço da distância. Nesse caso você vai até ele e fala que vai para tal lugar, e ele desconta o dinheiro certo.

Agora você senta e relaxa. Quem sabe vai até no andar de cima pra apreciar a vista? É bem legal.

4° Passo – Saindo do Busão

Você não precisa encostar seu Leap Card na máquina de novo.

Você vai ouvir o nome do seu ponto no alto falante e vai apertar o botão de parar. Aí você agradece o motorista e deseja um bom dia, desce do ônibus, e segue sua vida.

_____________

Um aplicativo muito bom e que eu recomendo é o Moovit. Nele você consegue ver os horários que seu ônibus vai passar e ele até mesmo dá uma de Google Maps e te guia pelo caminho. Além de a interface dele ser muito fofa e simples de usar. Para baixar o Moovit clique aqui (android) ou aqui (ios).

queria eu estar recebendo para promover o app ;-;

É isso, fellas. Não é tão difícil quanto parece, e a vista do segundo andar é até que bem legal. O serviço de ônibus é sempre pontual, muito eficiente e seguro, por isso use e abuse. Espero que isso ajude qualquer um que vá pegar o transporte público em Dublin!

A gente se vê por aí!

Anúncios
0

Utilidades: Leap Card

Tudo bom, minha gente? Hoje queria trazer um post informativo, porque afinal é importante saber as coisas e ir preparado, certo?

Por esse mesmo motivo, venho falar do Leap Card.

ele é bonitinho assim mesmo

O Leap Card é tipo um Bilhete Único de São Paulo, apesar de ser mais bonitinho e, infelizmente, não ter a incrível opção de pegar até 4 transportes por uma única tarifa em até 3 horas. Mesmo assim, ele consegue uns descontos incríveis no sistema de transporte público.

OPA! Falou em desconto, falou comigo.

Sim, nós estudantes chegamos com o dinheiro muitas vezes contado, por isso é importante salvar cada centavo possível, certo? Os descontos são de até 11% no Dublin Bus, 17% no LUAS e 18% no DART, Commuter Train e outros trens que vão por Dublin.

Por exemplo, antes de ter o Leap Card, eu gastava 6 euros comprando a passagem de ida e volta da escola. Com ele, gastava 4,82. Agora que consegui o Leap Card de estudante, gasto 4 euros ida e volta para casa. Um baita desconto.

O Leap Card pode ser comprado em lojinhas de conveniência, supermercados e afins, além de algumas máquinas de ticket nas estações de trem e LUAS venderem. Normalmente elas têm uma placa em cima dizendo que há Leap Cards disponíveis ali. O meu comprei na máquina da Tara Street Station (a que fica de frente para a lojinha vermelha, não as do lado de fora).

O preço do Leap Card é 10 euros, e junto com a compra dele você deve carregá-lo com pelo menos 10 euros. Quando você for embarcar no transporte, encoste-o na maquininha.

Guia prático:

O Leap Card funciona assim: quando você encosta o cartão na maquininha, uma tarifa padrão será descontada dos seus créditos (acho que é 4,70). Você entra no transporte, e quando for descer/chegar na estação, encoste o cartão na maquininha da estação atual. Como o preço é cobrado pela distância percorrida, ele devolverá créditos pro seu cartão.

Exemplo: de manhã, eu passo na maquininha e ele desconta 4,70 dos meus créditos. Quando eu chego na estação que preciso, para sair encosto de novo na maquininha e ele me devolve 2,40 de crédito. Ou seja, o preço total da viagem foi de 2,30.

Atenção: na estação de trem você é obrigado a passar o cartão para sair, mas no LUAS não. Por isso, se você esquecer de encostar seu cartão na máquina quando chegar no seu destino final, a tarifa de 4,70 será cobrada, sem retorno do crédito. Isso é bem caro e não queremos gastar grana, lembra?

Como mencionei anteriormente, arranjei esses dias o meu Leap Card de estudante, que é mais ou menos assim:

(não sou eu, infelizmente)

Ele tem sua foto, seu nome, e o nome do seu colégio. Como eu já disse, ele oferece descontos maiores nos transportes, e isso é mais do que legal.

Para arranjar o seu também, você precisa do seu passaporte e da carta da escola que você provavelmente levou ao banco (a que tem o selo da escola, seu nome completo, seu endereço, etc). Você precisa ir ao Trinity College no centro de Dublin. A portinha que você tem que entrar é bem escondida, então eu recomendo fortemente você perguntar um “Hi, do you know where I get a student Leap Card?” pra um local ou funcionário.

Lá, você precisa preencher um folheto que fica em cima da mesinha com as suas informações (nome, escola, endereço, data de nascimento, etc), e aí você entra na fila. A moça te chama, você apresenta suas coisas, ela tira uma foto sua ali na hora e seu cartão sai (quentinho) da máquina. Mas atenção, o preço para ter seu Student Leap Card é de 15 euros.

A melhor coisa é que você pode entrar no site e cadastrar o seu cartão, assim você pode proteger seus créditos caso ele seja roubado ou perdido. Você também pode ver o histórico do seu cartão, e cadastrar vários ao mesmo tempo.

Resumindo: o Leap Card é um facilitador de vidas e eu recomendo você comprar um no segundo que colocar os pés em Dublin. Não seja trouxa que nem eu e fique uma semana usando dinheiro. Yep.

Para mais informações, acesse o site do Leap Card, e veja o post no blog Vida na Irlanda.

A gente se vê por aí!